Por que vendas e marketing precisam trabalhar lado a lado? Entenda!

por Junior Brandão

As áreas de vendas e marketing ganham cada vez mais relevância quando se fala em resultados no comércio eletrônico. As transformações digitais mudaram bastante a dinâmica dos modelos de negócios e é preciso se adaptar. Funis de vendas, taxas de abandono de carrinho e jornada de compra do consumidor são termos bastante frequentes para quem toca uma loja virtual.

Equipe de Vendas e Marketing devem caminhar juntas para atingir em cheio o seu cliente

É necessário encarar os investimentos em marketing como uma vantagem competitiva e não como uma despesa. Aprender a elaborar um plano de negócios realista para o seu e-commerce é fundamental para que a sua ideia seja sustentável ao longo dos anos. Ficou interessado no assunto? Então entenda agora por que as vendas e marketing precisam trabalhar lado a lado. Venha comigo e boa leitura!

O poder da parceria entre vendas e marketing

Uma situação muito comum em empreendimentos grandes é a ausência de comunicação entre as áreas de marketing com os times de vendas e vice-versa. Essa falta de alinhamento só gera ruídos, ilhas de informações e desgastes internos. Você precisa visualizar o seu negócio como uma arquitetura integrada com funções que se complementam entre si. As suas equipes precisam falar a mesma língua e caminhar rumo aos mesmos objetivos.

Mudanças culturais sempre vão provocar resistências e desconfortos. Essa situação também ocorre na gestão das lojas virtuais. Valorizar o esforço do seu pessoal de marketing é agir estrategicamente e com efetividade. Criar um blog para o seu e-commerce, realizar testes de remarketing e retargeting e conhecer mais sobre os marketplaces são ações que podem diferenciar a sua marca no ambiente digital.

Os seus times de vendas também são relevantes para os resultados do seu negócio. Muitas vezes, uma integração da loja virtual com a loja física pode otimizar custos e facilitar o trabalho das equipes. Como você pode perceber, a atuação coordenada das áreas de vendas e marketing é benéfica e essencial para o alcance das metas de longo prazo.

As vantagens do trabalho lado a lado entre vendas e marketing

O esforço conjunto das vendas e do marketing pode influenciar bastante na taxa de conversão do seu e-commerce. A ideia do inbound marketing (marketing de conteúdo) é justamente fazer propagandas on-line do negócio por meio de webinars, blogposts, newsletters, mini-books, infográficos, whitepapers, podcasts e otimizações de SEO para aumentar o alcance dos seus produtos e conseguir mais clientes. A seguir, vou mostrar 5 vantagens que seu empreendimento pode ter quando as áreas de vendas e marketing trabalham lado a lado.

Equipes trabalhando lado a lado vendem mais

1. Atração maior de leads

Lead é aquele consumidor potencial que demonstrou interesse em algum produto da sua loja. A conquista de novos clientes é um verdadeiro desafio e exige o engajamento tanto do pessoal de vendas quanto dos times de marketing.

A ideia é gerar contatos que se convertam em compradores no futuro. Por isso, é muito importante entender o comportamento do consumidor para desenhar os fluxos de compras mais apropriados. Em suma, oferecer os produtos corretos na hora certa.

2. Avanço dos leads no processo de compra

Sabemos que a jornada de compra dos consumidores envolve várias etapas e detalhes até à concretização de uma venda. Não basta fornecer um produto: é preciso ter excelência no atendimento ao cliente da sua loja virtual.

Aplicar testes de usabilidade pode ser interessante para visualizar quais são os itens com maiores saídas e os pontos do site com mais taxas de rejeição. Avançar seus leads no processo de compra exige que os times de vendas e marketing trabalhem juntos para que seus produtos tenham boas descrições, estejam devidamente categorizados e com fotos de boa qualidade.

3. Receitas maiores

Criar uma loja virtual de sucesso requer planejamento, execução e muitos testes. Isso reforça a importância do apoio conjunto das áreas de vendas e marketing. Essa ajuda de especialistas faz com que você direcione os seus esforços para as demandas com tickets maiores. Saber delegar funções é fundamental para a sobrevivência do seu negócio no longo prazo.

Gerenciar as tarefas de marketing, logística, finanças e vendas sozinho é muito oneroso e prejudica a lucratividade. Entender um pouco mais sobre as tendências tecnológicas e mobile marketing, por exemplo, pode ser interessante para identificar novos nichos de atuação.

4. Melhor acompanhamento dos resultados

Atrair leads, conquistar a confiança deles, engajá-los e vender. Essa é a lógica por trás dos funis de vendas. Trata-se de um conjunto de tarefas que requer esforços tanto da equipe de marketing quanto dos times de vendas. Todas essas ações contribuem para o posicionamento de marca no ambiente digital. Para tanto, é interessante também entender sobre o conceito de User Experience (UX) e aplicá-los na jornada de compras do seu cliente.

5. Execução do smarketing

O conceito smarketing ainda é novidade aqui no Brasil e consiste na junção dos termos sales e marketing. O objetivo é afinar a comunicação entre as vendas e o marketing para que as estratégias da sua loja sejam mais efetivas.

Essa é uma tendência bastante forte para a fase do e-commerce 4.0. Com isso, consegue-se segmentar melhor os seus potenciais públicos-alvo e identificar novos padrões de consumo e comportamentos comuns. Também é válido lembrar da importância de preparar, educar e entreter os seus clientes antes do momento da compra.

Enfim, você pode perceber que o trabalho conjunto entre vendas e marketing é muito mais do que a simples troca de dados. É preciso muita comunicação e engajamento para que os resultados sejam satisfatórios e sustentáveis. Assim, criar um documento de SLA (Service Level Agreement) entre essas equipes é uma boa ideia.

Trata-se de um contrato operacional para especificar as responsabilidades, deveres e metas de cada time. Com isso, consegue-se esclarecer pontos como quantidade e qualidade dos leads, follow-ups e taxas de conversão. Atuar dessa maneira pode melhorar bastante as margens de lucro do seu e-commerce.

Esses são os 5 motivos pelos quais as áreas de vendas e marketing precisam trabalhar lado a lado. Entender essa dinâmica pode dar um novo rumo para a sua loja virtual, melhorar o engajamento das suas equipes e alavancar os seus resultados. Contar com o apoio de especialistas é uma opção interessante.

Gostou deste post? Então veja também este artigo com os 7 passos para vender produtos on-line.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Você sabe quando é a melhor hora para a otimização de e-commerce? | Blog Auaha 25-10-2019 […] está errado com o seu e-commerce, e essa baixa procura vem acompanhada de uma quantidade menor de vendas, o que é muito ruim para o seu […]