Integração da loja virtual com a loja física: o guia completo

por Isabela Saney

Conforme a tecnologia evolui, o comportamento do consumidor também se transforma. Consequentemente, quem vende precisa se adaptar. Você já pensou em fazer a integração da loja virtual com a física? Isso não só é possível como também pode trazer uma série de benefícios para você.

 

A integração da loja virtual com um estabelecimento físico possibilita criar diversas novas vias possíveis de negócios com potenciais clientes. Você pode ganhar mais credibilidade junto aos clientes ao contar também com uma loja física, já que é algo visto como mais “concreto” pelos clientes. A consequência direta disso, claro é conseguir aumentar as vendas no ambiente digital e físico.

 

Dessa forma, fica nítido o quanto essa integração pode ser benéfica para o lojista. Se você nunca considerou essa possibilidade, precisa perceber que ela já é uma realidade no mercado moderno e precisa fazer parte da sua rotina, também.

 

A seguir, você aprenderá mais sobre os principais motivos para implementar a integração da loja virtual e de quais formas fazer isso. Aproveite!

 

Integração de loja física e virtual: o que é isso?

Falar da integração da loja virtual com um e-commerce envolve, simplesmente, permitir que as suas vendas aconteçam de maneira unificada nesses dois canais. Com o avanço da tecnologia, já é possível fazer isso de maneira fácil e inteligente.

 

O seu consumidor passa a ter a opção de comprar de você indo até um estabelecimento físico ou acessando a sua loja virtual pela internet. Outra possibilidade envolve dar ao seu cliente a opção de comprar um produto pela loja virtual e buscá-lo na física.

 

Trata-se de um processo que requer um planejamento bastante detalhado, já que não pode conter falhas que ocasionem experiências ruins aos clientes. Se bem implementada, é uma iniciativa que pode trazer diversos benefícios para o seu negócio.

 

Veja, a seguir, os principais motivos para fazer a integração da loja virtual com a física.

 

Aumenta o seu alcance

Uma loja física está sempre limitada ao espaço geográfico que ocupa, não importando o número de unidades que tenha. No entanto, uma loja virtual tem um alcance muito maior, já que requer apenas uma conexão com a internet e estar na área atendida pela entrega.

 

Realizar essa integração é uma ótima forma de ampliar o alcance da sua loja. Ao atingir mais clientes, o seu potencial de vendas e crescimento também aumenta.

 

Melhora o seu reconhecimento

Em um mercado competitivo, é essencial ter meios para fortalecer o próprio reconhecimento e credibilidade. Se o público não confia na sua loja, será bastante difícil vender para ele.

 

Um dos benefícios de fazer a integração da loja virtual com a física é que isso transmite maior confiabilidade ao cliente. Uma loja online desconhecida pode ter dificuldades para conquistar a confiança do cliente, algo que pode ser solucionado ao contar com uma versão física para um ganho decisivo de credibilidade.

 

É mais barato de manter

Se uma loja virtual parece algo caro, é importante se livrar dessa ideia errada. Quando comparada a uma loja física, trata-se de uma implementação e manutenção muito mais baratas.

 

É melhor ainda quando há uma integração da loja virtual com a física, já que você pode aproveitar seu espaço de estoque já existente para atender também ao e-commerce.

 

Permite vendas 24 horas por dia

Um dos principais atrativos do e-commerce é que ele funciona 24 horas por dia, 7 dias por semana. Isso é bastante atrativo para o cliente por ser visto como uma grande conveniência.

 

Manter a sua loja aberta por tanto tempo traz um grande potencial de vendas que é bem difícil de alcançar com uma loja física. Portanto, você pode passar a contar com esse benefício ao integrar essas duas possibilidades.

 

Oferece dados estratégicos

Uma loja física não oferece muitas opções de dados estratégicos a respeito do comportamento do consumidor. Você pode acompanhar números de vendas ao longo do tempo, claro, mas não dá para ir muito além disso.

 

Por outro lado, uma loja virtual permite que você analise uma série de aspectos diferentes a respeito do público e dos seus resultados. A partir dessas informações, você pode implementar estratégias focadas em aprimorar ainda mais seus retornos. É possível, por exemplo, se basear no que mais vende na internet.

 

É possível manter as duas lojas?

A integração da loja virtual com a física não serve para restringir as coisas, e sim contribuir para o sucesso de ambas. Ou seja, você não só pode como deve manter as duas integradas para que o seu negócio como um todo prospere a partir desse cenário.

 

Ou seja, a sua estratégia de vendas não deve ficar restrita apenas ao meio digital ou ao meio físico. Você pode (e deve) dar destaque a ambos canais de vendas na estratégia comercial e de marketing. Isso envolve garantir que a sua loja física seja divulgada em suas redes sociais e, ao mesmo tempo, sua versão virtual seja anunciada na loja física.

 

Essa integração pode ir além e proporcionar experiências de compra verdadeiramente integradas aos clientes. Isso é possível graças ao conceito por trás das compras omnichannel. O termo, que se refere a um canal que combina vários outros, tem como propósito principal oferecer ao cliente o máximo de conforto ao deixar a critério dele o caminho que deseja seguir para fechar negócio.

 

Dessa forma, por exemplo, o consumidor pode iniciar um processo de compra pela internet e finalizá-la na loja física. Também é possível realizar ações online com compradores do seu estabelecimento físico, bastando elaborar uma estratégia sólida.

 

 

Quais são os passos necessários para fazer a integração?

Agora que você já entendeu como pode ser muito vantajoso integrar a sua loja virtual com a física, o próximo passo envolve estruturar o seu plano utilizando as iniciativas corretas. Você precisa garantir a melhor abordagem para que essa tendência se converta em sucesso para o seu negócio.

 

Existem três pontos essenciais que você precisa considerar para realizar a integração de uma loja virtual com a física. Confira abaixo.

 

Estrutura omnichannel

Estar presente em múltiplas frentes de vendas é algo que contribuirá para os seus resultados e tem tudo a ver com a integração entre loja virtual e física. A filosofia omnichannel deve fazer parte da sua rotina se o seu objetivo é aprimorar a experiência do cliente.

 

O conceito omnichannel se refere a permitir que o seu cliente inicie o processo de compra por múltiplos canais e, além disso, possa continuá-lo em outros. Com as revoluções tecnológicas ocorridas nos últimos anos, o meio digital se mostra como um grande catalisador dessa tendência.

 

Para funcionar, essa ideia precisa de uma estrutura robusta que preveja os fluxos percorridos pelo cliente e esteja preparada para eles. É necessário entender a jornada do seu consumidor e os processos pelos quais ele passa desde que decide por um produto até a hora que fecha negócio.

 

Integração de experiências

Ao trabalhar com a integração entre loja virtual e física, é importante entender que se trata de somar a favor da experiência em vez de subtrair. Ou seja, é necessário combinar as possibilidades de ambas em vez de substituir uma pela outra.

 

Por exemplo, é comum que alguém veja um produto na internet e queira comprá-lo em uma loja física. Outra possibilidade é querer fazer uma compra online e retirar o item pessoalmente. É possível também passar a trabalhar com um sistema de marketplace, algo impensável no mundo físico. Essas são apenas algumas das várias possibilidades disponíveis quando se trata de multicanal.

 

Isso envolve garantir que o seu consumidor tenha acesso ao mesmo mix de produtos tanto fisicamente quanto pela loja virtual. Não implemente barreiras ou restrições em qualquer uma dessas versões, já que o intuito principal é oferecer uma experiência de qualidade em todas.

 

Uso do software adequado

Como a integração entre loja virtual e física se fundamenta nos benefícios trazidos pela tecnologia, é natural que seja necessário contar com um bom software para ter sucesso com isso. O principal papel dele será efetivar a integração pretendida por você.

 

Isso se dá por meio do uso de um ERP (Enterprise Resource Planning, ou Planejamento de Recursos da Empresa), software cujo principal intuito é integrar múltiplos aspectos de uma administração, como é o caso de uma loja. Entre as diversas funcionalidades dele estão atualizações em tempo real sobre a disponibilidade dos seus produtos.

 

É impensável administrar tudo isso manualmente, então você precisa contar com a ajuda da tecnologia para isso. O uso de um ERP permitirá garantir que os seus clientes tenham a melhor experiência, seja em compras pela internet ou no estabelecimento físico.

 

 

Quais tecnologias e serviços posso usar?

A tecnologia é a principal aliada da sua integração entre loja física e virtual. Portanto, você precisa escolher muito bem as soluções que serão empregadas nesta etapa. Senão, você arrisca perder o acesso a muitas das vantagens dessa iniciativa.

 

Um dos itens mais importantes para a manutenção de uma loja virtual integrada à física é um ERP. Só que essa plataforma precisa ser devidamente configurada para permitir que você consiga administrar os seus produtos e clientes de forma unificada com esse mesmo recurso.

 

Além disso, é necessário conferir se a sua plataforma de e-commerce tem funcionalidades que poderiam se integrar à sua loja física. É o caso, por exemplo, de inserir a retirada no local como método de “entrega”, nas etapas finais do processo de compra.

 

 

O que muda na realidade do gestor do e-commerce?

Por significar uma mudança tão considerável nos resultados, a integração da loja virtual com a física tem tudo para transformar a gestão de e-commerce. Para que seja possível aproveitar os benefícios desse tipo de iniciativa, é essencial conhecer essas novidades e se preparar para elas.

 

Veja a seguir os principais pontos que modificam a realidade do gestor de e-commerce ao trabalhar de forma integrada com uma loja física.

Manutenção do estoque

Como o estoque da loja virtual e física passa a ser integrado, isso significa que a sua atenção precisa ser dobrada em relação a ele.

Ou seja, como o mesmo produto pode ser comprado de duas formas, é preciso ter uma boa estratégia de reabastecimento para não correr o risco de sofrer ruptura.

Implementação de estratégias integradas

Ao ter a loja virtual integrada à loja física, as suas estratégias futuras precisam todas considerar esse novo cenário. Não faz sentido atuar isoladamente, já que os bons resultados somente vêm quando as ações consideram todas as suas frentes de atuação. Trata-se de uma mudança de pensamento essencial para essa nova fase.

Novas vias de atendimento

Por suas vendas poderem vir de novos contextos, você também precisa se preparar para eles, inclusive no atendimento. Um e-commerce integrado a uma loja física pode ter que começar a lidar com o pós-vendas de compras feitas no mundo offline, por exemplo. Para manter seu público satisfeito, você precisa garantir que seu setor de atendimento também seja integrado.

Concorrência da loja física

Um e-commerce está acostumado a concorrer com o resto da internet. No entanto, ainda assim é importante considerar a mudança trazida pelos concorrentes de uma loja física. É algo que envolve fazer uma boa análise de concorrentes, já que podem representar uma ameaça até então não pensada.

Estratégias de geomarketing

O termo geomarketing se refere a um conjunto de estratégias que se utiliza da habilidade de localizar o público para impactá-lo com ofertas segmentadas. Por mais que um e-commerce também possa fazer uso desse recurso, faz muito mais sentido aproveitá-lo de forma integrada com uma loja física. Você pode, por exemplo, anunciar seus produtos para quem está passando por perto do seu estabelecimento e levá-lo à loja virtual.

Produtos, estoques e marketing: são compartilhados nas duas lojas?

Deve sempre ser o seu objetivo proporcionar as melhores experiências ao seu público. Somente assim será possível converter essas pessoas em clientes fiéis para a sua loja, seja a versão física ou virtual. Dessa forma, será possível aproveitar resultados superiores para as suas vendas.

 

Ao integrar essas duas frentes, você também combinará outros aspectos da sua loja. Veja como tudo isso funcionará.

Compartilhamento de produtos

Uma loja com produto esgotado pode afastar um cliente permanentemente. Por meio da integração entre loja física e virtual, você pode garantir que um mesmo item esteja disponível em ambas. Dessa forma, ele tem o seu potencial de vendas significativamente ampliado.

Compartilhamento de estoques

Já que o mesmo produto pode ser anunciado tanto online quanto offline, é essencial que os seus estoques também estejam integrados. Felizmente, essa é outra das premissas da integração entre loja física e virtual. A gestão para ambos ambientes é facilitada pelo uso de um ERP.

Compartilhamento de marketing

O alcance de uma loja virtual é consideravelmente maior do que uma física. Dessa forma, pode ser muito vantajoso aproveitar essa exposição para fortalecer o investimento em marketing do seu comércio como um todo. Portanto, deve estar entre as suas prioridades garantir que ambas tenham uma estratégia de marketing integrada.

Quais as melhores estratégias voltadas para lojas integradas?

Trabalhar com a integração entre suas lojas é algo que abre um leque de possibilidades para ações estratégicas. O resultado disso será a geração de cada vez mais novas oportunidades para clientes descobrirem suas ofertas e decidirem comprar de você.

 

Conheça abaixo as principais maneiras de aproveitar a integração das lojas em sua estratégia.

Retirada do produto na loja física

Comprar pela internet é muito conveniente, mas traz um único contratempo: o cliente não tem acesso instantâneo ao produto.

Você pode corrigir isso com a integração entre loja virtual e física ao permitir que o consumidor retire o item na loja após comprá-lo pela internet.

Trocas de produtos online na loja física

Além de permitir a retirada dos produtos, não deixe de estender essa possibilidade também para as trocas. Pode ser muito frustrante para um cliente descobrir que adquiriu o item errado pela internet se o processo de troca for muito difícil. Permita que ele tenha a opção de fazer a troca em sua loja física.

Promoção de produtos em ambos canais

Uma loja física pode ser usada para promover produtos da versão virtual. O contrário também é possível. Com tudo integrado, você pode garantir que os seus itens ganhem um impulso de visibilidade ao aproveitar a força de cada canal individualmente. Para isso, basta garantir que estejam devidamente integrados.

Manutenção integrada do estoque

Um dos benefícios de contar com um ERP que integre loja física e virtual é que você nunca precisará se surpreender com alguma ruptura de estoque nessas duas frentes de atuação. Afinal, eles agirão de forma unificada poderão ser monitorados em tempo real por meio desse recurso.

Desenvolvimento de ações promocionais

O meio digital é capaz de captar informações bastante valiosas sobre as preferências e hábitos dos clientes. As possibilidades não são tão ricas no mundo físico, mas, graças à integração, é possível unificá-las.

 

Dessa forma, vale a pena desenvolver fluxos promocionais capazes de impactar seus clientes com ofertas personalizadas, baseando-se nos seus hábitos de compras.

Quais os principais erros ao integrar loja virtual com física?

Somente é possível aproveitar os benefícios de integrar a sua loja virtual com a física se a abordagem for correta. Isso significa passar longe de alguns erros que podem comprometer os seus resultados e a experiência dos seus clientes. Não deixe que pequenos tropeços inviabilizem toda a sua estratégia.

 

Veja, a seguir, os maiores erros que você pode cometer ao realizar o processo de integração da loja virtual com a física.

Não considerar a jornada do cliente

O seu cliente tem uma forma específica de interagir com a sua loja e seus produtos. Ela pode ser parecida com a de outros segmentos ou ter particularidades que necessitem de consideração. Seja como for, você precisa levar isso em conta ao planejar a estrutura da sua integração. Se possível, pegue alguns casos de exemplo para se basear.

Utilizar as tecnologias erradas

A integração entre loja física e virtual depende muito da capacidade por trás das ferramentas utilizadas para isso. Por exemplo, se a sua plataforma de e-commerce não permite integrações inteligentes ou se o seu sistema de ERP é limitado, dificilmente você conseguirá implementar essa ideia. Antes de começar, certifique-se de que as suas soluções sejam adequadas.

Não adaptar sua logística

Uma loja física representa toda uma nova via de negócios. Consequentemente, isso necessita do planejamento logístico necessário para garantir que todos os clientes consigam os seus produtos. Isso envolve administrar o seu estoque de forma integrada e firmar parcerias com parceiros e fornecedores de confiança.

Manter as duas separadas

Seja por inexperiência ou uso de tecnologias erradas, pode ser que as suas lojas permaneçam desconectadas mesmo após o processo de integração. É o caso, por exemplo, de não ter ações promocionais que englobam as duas ou um estoque diferente para cada uma. Evite que isso aconteça ao garantir uma integração em todos os níveis.

Ignorar as tendências do mercado

Ficar por dentro do que está acontecendo no seu mercado é essencial. Além disso, é muito importante estar de olho no que está por vir. As tendências do seu segmento devem ser detectadas e antecipadas se você deseja crescer e ultrapassar os seus concorrentes. A integração das lojas deve ser apenas o começo disso.

Será que você precisa de ajuda profissional?

O trabalho com a integração da loja virtual e física pode trazer grandes retornos para você, mas somente quando implementado adequadamente. Ou seja, qualquer erro na abordagem pode prejudicar o sucesso da sua empresa e dificultar sua recuperação.

 

Tendo isso em mente, é importante saber que esse trabalho pode ser conduzido por especialistas se você não tem a experiência necessária. Uma agência especializada em e-commerce, por exemplo, pode ser a parceira ideal para potencializar essa ideia.

 

A melhor forma de ter certeza sobre isso é responder a seguinte pergunta: depois de tudo o que aprendeu neste artigo, você se vê implementando a integração da loja virtual e física sem ajuda? Se a resposta for negativa, isso não significa que a ideia precisa ser abandonada. Basta contratar alguém que a realize.

Coloque a integração da loja virtual entre suas prioridades

Com as informações deste artigo, você aprendeu os principais benefícios de integrar a sua loja virtual com a física, além de conhecer os passos que devem ser seguidos para alcançar esse objetivo. Portanto, está na hora de colocar essa ideia em prática.

 

Aproveite essas dicas para garantir a melhor implementação do modelo omnichannel em sua loja. O resultado disso será um aumento nas suas vendas e na satisfação dos seus clientes.

 

Além disso, lembre-se de manter a sua estratégia em plena evolução. Isso inclui manter o olhar voltado para as tendências do mercado de e-commerce e eventuais inovações que podem surgir todos os dias nesse segmento — a integração da loja virtual pode ser apenas o começo.

 

Acompanhe mais informações estratégicas para alavancar o sucesso do seu negócio. Que tal receber tudo diretamente em sua caixa de entrada? Basta cadastrar o seu e-mail em nossa newsletter!

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.