8 sinais de que o design do site do seu e-commerce chegou no limite

por Rodrigo Vernaschi

Você já parou para pensar na importância que o design do site tem para as vendas do seu e-commerce? Não se trata apenas de pensar no posicionamento de banners e nas cores dos menus, mas sim, em usabilidade.

 

Se o seu cliente não encontra um caminho fácil até o produto que deseja comprar, ele não dará outra chance para você. Em vez disso, seguirá até algum concorrente.

 

No artigo a seguir, você saberá mais a respeito da importância do design do site e quais aspectos servem de sinal de que está na hora de uma mudança. Confira!

 

Por que o design do site requer tanta atenção?

O design do seu e-commerce pode ser um dos principais responsáveis por bons índices de vendas ou o motivador de uma considerável queda de faturamento. Tudo depende da forma como ele é pensado e implementado.

 

É importante especificar que o termo design não se refere apenas ao visual. A palavra também diz respeito à usabilidade de um produto e a maneira como suas funções são descobertas e acessadas pelo público.

 

Dessa forma, problemas de design causam um impacto direto na capacidade de seu e-commerce vender. Trata-se de uma preocupação que vai além do layout e deve fazer você repensar.

 

 

Quais os principais erros no design do site que comprometem as vendas?

O seu e-commerce faz uso de diversos recursos para ter sucesso. Um deles é o design, que é responsável por tornar, o mais fácil possível, o contato do seu público com os seus produtos. No entanto, nem sempre as coisas acontecem dessa forma.

 

Veja a seguir os principais sinais de que o design do seu e-commerce precisa ser revisto:

 

1. Layout não é responsivo

O celular já é o principal meio de acesso à internet no Brasil. O levantamento vem da pesquisa TIC Domicílios 2017, produzida pelo Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (CETIC.Br).

 

Neste novo cenário, é impensável ter um site que não funcione em aparelhos móveis, como celulares e tablets. Afinal, você estará alienando mais da metade do seu público em potencial. Pense em quantas vendas seriam perdidas. Portanto, trate de contar com um layout responsivo em seu e-commerce.

 

2. Demora demais para carregar

Você sabia que a taxa de rejeição de um site aumenta 40% se ele demora mais de 3 segundos para carregar? Você certamente está perdendo várias vendas com o seu e-commerce se ele é lento demais, já que é algo que prejudica a navegação.

 

A solução para isso está em otimizar os elementos das suas páginas. Por exemplo, as imagens podem ser comprimidas e o seu código-fonte pode se tornar mais eficiente. Faça o teste usando o Google PageSpeed Insights para ter certeza de que os seus ajustes estão surtindo efeito.

 

3. Possui uma navegação confusa

Se o seu cliente não encontra o caminho certo para comprar em sua loja, dificilmente você terá bons resultados de vendas. O design do site precisa ser simples e direto, permitindo que seus visitantes cheguem até onde desejem sem confusão.

 

Para remediar esse problema, é importante rever a forma como os seus menus e seções estão divididos. Coloque-se no lugar de um visitante de primeira viagem e tente navegar pelas suas páginas enquanto anota eventuais dificuldades enfrentadas.

 

4. Suas páginas de produtos são ineficientes

A página de detalhes do produto tem o papel de convencer o seu potencial cliente de que vale a pena fechar negócio. Se o design do site não dá o devido espaço a esse aspecto, você pode estar prejudicando seriamente os seus resultados.

 

Conte com um bom espaço para a descrição do produto, que tire todas as dúvidas do possível cliente. Além disso, tenha um local para a publicação de avaliações, já que isso transmite transparência. Por fim, garanta, pelo menos, uma foto para cada produto.

 

5. Cadastros são longos demais

Quantos dados você pede do seu cliente antes de permitir que ele finalize a compra? É possível que muita gente esteja desistindo do produto porque o seu cadastro é longo demais. Trata-se de um dos problemas do design do site que pode comprometer seus resultados.

 

Em vez disso, experimente pedir menos informações. Para fechar a venda, requisite apenas os dados mais importantes. Deixe que o cliente os complete depois. Também evite ter muitas páginas de cadastro.

 

6. A busca da loja é ruim

Quando foi a última vez que você testou a busca do seu e-commerce? Essa ferramenta é fundamental para as suas vendas, portanto, precisa ser útil ao seu consumidor em potencial.

 

A indexação de todas as suas páginas precisa ser altamente eficaz para que o sistema de buscas consiga encontrar resultados baseando-se não só no nome dos produtos como também na descrição. Faça alguns testes para se certificar da qualidade do mecanismo e tome nota dos problemas enfrentados.

 

7. Suas informações de contato são difíceis de achar

Quer transmitir credibilidade e confiança ao seu público? Certifique-se de que ele entenda que o seu e-commerce é uma empresa de verdade. A melhor forma de passar essa impressão é deixando as suas informações de contato bem visíveis, de preferência em todas as páginas da sua loja.

 

São dados como telefone e endereço que fazem a diferença para o cliente confiar em uma loja ao ponto de inserir seus dados de cobrança para fechar negócio. Trata-se de algo essencial para o design do site.

 

8. Excesso de elementos na tela

Se o seu visitante é bombardeado com imagens, pop-ups e outros elementos quando tenta acessar o seu e-commerce, dificilmente ele prosseguirá até a finalização da compra. Você certamente está espantando boa parte de clientes em potencial dessa forma.

 

A sua loja precisa de um design limpo para gerar vendas. Isso não significa que destacar promoções está proibido. Nesse caso, você pode contar com espaços fixos para banners promocionais e sempre utilizá-los nessas ocasiões.

 

O design do site é um dos elementos mais importantes para o sucesso de vendas de um e-commerce. Não menospreze esse trabalho, pois ele pode já ter ultrapassado seu limite. Fique de olho nos sinais destacados acima e implemente os esforços adequados para corrigi-los.

 

Que tal aprender sobre como tornar o seu e-commerce mais fácil de acessar? Confira aqui no blog o que são os testes de usabilidade e como eles podem melhorar a sua loja virtual.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.