O que é e como usar o redirect 301?

por Eduardo Leda

O Redirect 301 é uma ferramenta importantíssima para as lojas virtuais que fizeram ou visam realizar a migração de plataforma no futuro.

Também conhecido como redirecionamento permanente, o Redirecionamento 301 reúne todos os parâmetros e ranqueamentos de uma página específica, URL de origem , e encaminha para uma nova página, URL Nova.

Essa função é importante, já que o ranqueamento da página nos mecanismos de busca, um dos maiores responsáveis pelos acessos em lojas virtuais, é transmitido para o novo endereço.

Quando realizado corretamente, o redirecionamento 301 pode minimizar em até 100% a perda na relevância da sua loja para a busca orgânica, permitindo que se aproveite toda a evolução buscada pela migração, sem sofrer danos colaterais.

Quando devo aplicar o redirect 301

O Redirect 301 pode ser aplicado em três cenários diferentes:

  • URLs Similares: Caso tenha duas URLs iguais indexadas como páginas diferentes, é interessante fazer o redirecionamento permanente para uma delas. 
  • Anúncios desativados: Quando um produto muito buscado sai de linha na sua loja virtual, é recomendado usar o redirecionamento 301 para encaminhar o cliente a uma nova versão do produto ou similar.
  • Migração de loja: Sem dúvidas o mais trabalhoso, caso você faça a migração da sua loja para uma nova plataforma e a URL seja alterada, será necessário realizar o redirecionamento, evitando o erro 404 (página não encontrada).

Obs.: Se o endereço no seu novo e-commerce não se alterar, essa ação não será necessária.

Como fazer o redirecionamento 301

Existem duas maneiras principais de se realizar o redirecionamento permanente, manual ou por planilha. 

  • Manual: Acessando as configurações da sua loja no painel, é possível incluir os redirecionamentos individualmente, bastando adicionar o endereço antigo ao novo. Apesar de trabalhoso, esse é o modo mais recomendado para garantir a efetividade da ação e manter sua loja atualizada.
  • Planilha: Algumas plataformas permitem a realização do redirect 301 através de uma planilha. Nesse caso, as informações necessárias são divididas em colunas e o arquivo importado ao painel da loja.

Riscos provocados por um redirecionamento mal-feito

O redirecionamento mal executado tem efeitos devastadores ao ranqueamento do seu e-commerce em relação ao SEO. Com o número de acessos vindos dos buscadores, perder a relevância orgânica pode prejudicar o faturamento na sua loja em um período tão importante quanto uma migração.

Além disso, é importante se certificar que as URLs de destino adicionadas pelo redirecionamento permanente estão escritas corretamente. Caso contrário, a página de destino não será encontrada, resultando em um Erro 404. Isso irá prejudicar a experiência do usuário e pode resultar em perda de relevância ao domínio principal.

Por fim, tome cuidado com o uso de parâmetros dinâmicos para preencher informações como categorias, marcas, produtos ou outras classificações do tipo. Caso exista uma exceção a regra, pode resultar em erro e perda de relevância, conforme apontado anteriormente.

Conclusão

É importante destacar a importância de tal ferramenta. Realizada corretamente ela mantém a relevância da sua loja virtual e mantém os clientes bem atendidos em diversas situações.

Manter um acompanhamento direto dos acessos na sua loja, utilizando o Google Analytics para ficar de olho nas páginas mais acessadas da sua loja e deixá-las sempre atualizadas.

Precisando de ajuda com essa função? Entre em contato com a nossa equipe, a Auaha tem experiência nesse processo, como vimos no projeto da ProSport Bike.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.